EsporteUltimas horas

Na despedida de Victor, Atlético bate URT por 3 a 0 pela estreia do Mineiro

Diego Tardelli jogou pouco mais de um tempo e abriu o placar para o Galo no Mineirão

O Atlético-MG não teve dificuldades para vencer a URT por 3 a 0 em sua primeira partida no Campeonato Mineiro de 2021. Mesmo com um time misto, o Galo praticamente não teve sustos e construiu a vitória com gols de Diego Tardelli, Marrony e Echaporã, no Mineirão. A partida marcou a despedida do goleiro Victor, 38. Com quase nove anos de casa, o ídolo da torcida não renovará seu contrato com o clube. Registre-se que Tardelli, que deixou sua marca, também está com futuro indefinido. Com o resultado, o Galo termina a primeira rodada no topo da tabela, com três pontos e três gols de saldo.

Jogo de um time só Estratégias bem definidas no Mineirão. O Atlético, orientado pelo interino Lucas Gonçalves enquanto o substituto de Jorge Sampaoli não é definido, só atacava e mal teve trabalhos para se defender. A postura bastante fechada da URT dificultou os avanços do Galo, que já vinha apresentando falta de repertório desde o Brasileirão. Com algumas exceções, a maioria das tentativas de ataque foi por meio da ligação direta.

Alô diretoria, tô aqui! Ainda sem saber se terá seu contrato renovado, Diego Tardelli, 35, também pode ter feito seu último jogo pelo Galo. Mas o atacante mostrou serviço e deixou sua marca. Quando Marrony recebeu pelo lado esquerdo e dominou dentro da área, o centroavante chegou de carrinho para empurrar o cruzamento para dentro do gol: 1 a 0.

Galo mata o jogo no início da etapa final Precisando mudar sua postura para esboçar minimamente uma tentativa de empate, a URT começou o segundo tempo com mudanças e mais disposta a atacar. Mas o espaço deixado em campo ajudou o Atlético a liquidar a partida com poucos minutos da etapa final. Marrony, que já tinha perdido um gol na cara (e viria a perder outro antes do apito final), recebeu de Calebe e dessa vez não desperdiçou. Com a perna esquerda, marcou o segundo do Galo e deu ainda mais tranquilidade para o time administrar o jogo e garantir a vitória na estreia. No fim do jogo, ainda deu tempo para o garoto Echaporã receber de Dylan Borrero e fazer o seu. 3 a 0 placar final

Homenagem a Victor Ídolo e “santificado” pela torcida atleticana, Victor foi homenageado desde o sábado até as horas seguintes ao jogo. Em campo, ele entrou como titular e vestiu a camisa 424, em referência aos compromissos realizados pelo Galo. No uniforme dos seus companheiros, ao invés do nome de cada atleta, as camisas também exibiram o nome do goleiro atleticano.

ATLÉTICO-MG 3×0 URT Motivo: 1ª rodada do Campeonato Mineiro Data/Hora: 28/02/2021, às 18h15 Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG) Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro Assistentes: Celso Luiz da Silva e Leonardo Henrique Pereira GOLS: Diego Tardelli, 24’1ºT (1-0), Marrony, 4’2ºT (2-0); Echaporã, 50’2ºT (3-0) Cartões amarelos: Marrony, Echaporã (CAM), Mateus Oliveira, João Paulo (URT) Cartão vermelho: Não teve. ATLÉTICO-MG: Victor; Mariano, Igor Rabello, Gabriel e Dodô (Matheus Lima); Calebe (Júlio César), Dylan Borrero e Matías Zaracho (Iago); Marrony, Savinho (Echaporã) e Diego Tardelli (Felipe). Técnico: Lucas Gonçalves (interino). URT: Renan Rinaldi; Kellyton (Bernardo), Donato, Luis Felipe e Ian Barreto; João Paulo, Jean Carlos, João Diogo (Leílson) e Léo Aquino (Romário); Yago (Wescley) e Mateus Oliveira (Paulo Renê). Técnico: Weligton Fajardo,… – Veja mais em https://www.uol.com.br/esporte/futebol/ultimas-noticias/2021/02/28/atletico-mg-x-urt.htm?cmpid=copiaecola

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
× Fale conosco?