CidadesPoliciaUltimas horas

Mulher que matou menino por causa de 5 centavos em Rubim diz sofrer transtornos mentais, segundo PC

A vítima vendia pastéis na cidade. Segundo depoimento da suspeita à Polícia Civil, o menino ameaçou o filho dela.

A mulher que matou um adolescente de 12 anos, que vendia pastéis em Rubim (MG), disse à Polícia Civil de Almenara que sofre de transtornos mentais e faz uso de remédios controlados. À PC, ela alegou que “ficou cega” no momento do crime, pois estava sem tomar alguns medicamentos.

A mulher, de 39 anos, foi presa e autuada em flagrante pela polícia. Segundo informações do inquérito policial que foi instaurado

Segundo depoimento dado pela suspeita à polícia, teria faltado 5 centavos no pagamento do segundo salgado, que custava R$ 1. A vítima cobrou o valor e a mulher disse que não tinha como pagar, somente quando recebesse o seu salário.

Ainda de acordo com a suspeita, a vítima teria ameaçado agredir o filho dela por causa do dinheiro. A mulher, que confessou o crime, contou que foi na cozinha de sua casa e pegou uma faca, acertando o garoto nas costas.

De acordo com informações colhidas pela PC, a Polícia Militar foi acionada e prestou socorro à vítima que não resistiu e morreu no hospital.

Após ser autuada, a mulher foi encaminhada ao Sistema Prisional. A Polícia Civil informou que as investigações sobre o caso continuarão e que o inquérito deve ser concluído em até 30 dias.

Por G1 Vales de Minas Gerais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale conosco?