CidadesPoliciaUltimas horas

INDIVÍDUO ARROMBA CASA E MATA MORADOR A TIROS NANUQUE

DURANTE PATRULHAMENTO A POLÍCIA MILITAR FOI ACIONADO PELA SALA DE OPERAÇÕES DA UNIDADE PARA DESLOCAR ATÉ O
DISTRITO DE VILA GABRIEL PASSOS, ONDE SEGUNDO A SOLICITANTE JANE SOARES, SEU FILHO MATEUS SOARES HAVIA SIDO ASSASSINADO DENTRO DE CASA.

SEGUNDO A SOLICITANTE, POR VOLTA DAS 00H10MIN DESTE DOMINGO, ESTAVA EM SUA CASA, COM SEU FILHO MATEUS E
COM A NAMORADA DELE, QUANDO VISUALIZOU UM HOMEM NÃO IDENTIFICADO ATRAVÉS DO VIDRO DA JANELA E AO PERCEBER QUE HAVIA SIDO VISTO, FUGIU PULANDO O MURO DOS FUNDOS DO IMÓVEL.

AINDA SEGUNDO A SRA. JANE, ELA CONTOU AO SEU FILHO O QUE HAVIA OCORRIDO E COM MEDO, FOI PARA A CASA DE SEU NAMORADO, ONDE PASSARIA O RESTANTE DA NOITE.

A SOLICITANTE AINDA RELATOU QUE ALGUNS MINUTOS APÓS CHEGAR
NA RESIDÊNCIA DE SEU NAMORADO, FOI CHAMADA PELA NAMORADA DO SEU FILHO, A QUAL INFORMOU QUE UM INDIVÍDUO IGNORADO HAVIA
ARROMBADO A CASA E ASSASSINADO MATEUS COM DISPAROS DE ARMA DE FOGO.

SEGUNDO A TESTEMUNHA, NAMORADA DA VÍTIMA, RELATOU QUE FICOU NA RESIDÊNCIA COM SEU NAMORADO MATEUS APÓS
SRA. JANE SAIR, QUE ALGUNS MINUTOS DEPOIS UM INDIVÍDUO DESCONHECIDO BATEU NA JANELA DIZENDO SER DA POLÍCIA, ORDENANDO QUE ABRISSEM A PORTA, CONTUDO, MATEUS NÃO ABRIU E, IMEDIATAMENTE O INDIVÍDUO PASSOU A QUEBRAR A PORTA
DA COZINHA, QUANDO ELA TRANCOU-SE NO BANHEIRO E OUVIU ALGUNS DISPAROS DE ARMA DE FOGO E QUE ALGUNS MINUTOS APÓS OS DISPAROS, ELA SAIU DO BANHEIRO E DEPAROU-SE COM O CORPO DO SEU
NAMORADO CAÍDO AO SOLO E IMEDIATAMENTE DESLOCOU-SE PARA AVISAR A MÃE DELE.

A TESTEMUNHA NARROU AINDA QUE NÃO CHEGOU A
VER O AUTOR, PORTANTO, NÃO SABE DESCREVER NENHUMA CARACTERÍSTICAS DELE.

QUESTIONAMOS AS ENVOLVIDAS SOBRE OS POSSÍVEIS SUSPEITOS OU MOTIVAÇÃO PARA O CRIME, TENDO A SRA. JANE NOS
INFORMADO QUE HÁ ALGUNS MESES SEU FILHO PEGOU UMA MOTOCICLETA EMPRESTADA COM UM INDIVÍDUO CONHECIDO COMO
“DANILINHO”, QUE O VEÍCULO APRESENTOU UM PROBLEMA MECÂNICO E “DANILINHO” PASSOU A COBRAR O VALOR DO CONSERTO DE MATEUS, O QUAL DISSE QUE NÃO PAGARIA, POIS O DEFEITO NÃO SERIA DE SUA RESPONSABILIDADE. DESDE ENTÃO,
“DANILINHO” PASSOU A AMEAÇAR A VITIMA, INCLUSIVE CHEGOU A PARAR A SRA. JANE NA RUA E DISSE QUE SE MATEUS NÃO PAGASSE O VALOR DO CONSERTO DO VEÍCULO, PAGARIA COM A VIDA.

EM DILIGÊNCIA A POLÍCIA MILITAR IDENTIFICOU O SUSPEITO COMO SENDO DANILO LIMA, O QUAL NOS RELATOU QUE REALMENTE TEVE
UMA DESAVENÇA COM MATEUS POR CONTA DO CONSERTO DE UMA MOTOCICLETA, CONTUDO, NÃO CHEGOU A AMEAÇÁ-LO E NÃO TEVE QUALQUER PARTICIPAÇÃO NO HOMICÍDIO, QUE NÃO SAIU DE SUA RESIDÊNCIA DURANTE TODA A NOITE DE ONTEM, ONDE ESTAVA
SOZINHO. O SUSPEITO FRANQUEOU A ENTRADA DOS MILITARES EM SUA RESIDÊNCIA ONDE FORAM REALIZADAS BUSCAS,
ENTRETANTO NADA DE ILÍCITO FOI ENCONTRADO.

COMPARECEU AO LOCAL DO CRIME O PERITO CRIMINAL FELIPE PEREIRA DE QUEIROZ, O QUAL CONSTATOU QUE
A PORTA DA COZINHA NÃO CHEGOU A SER ARROMBADA, POSSIVELMENTE, O AUTOR QUEBROU O VIDRO E ABRIU A PORTA
UTILIZANDO A CHAVE QUE ESTAVA NA FECHADURA PELO LADO DE DENTRO. O PERITO CONSTATOU QUE A VITIMA APRESENTAVA
DUAS PERFURAÇÕES NO ROSTO E UMA PERFURAÇÃO NA REGIÃO PEITORAL PROVENIENTES DE DISPAROS DE ARMA DE FOGO. O
PERITO AINDA RECOLHEU UM FRAGMENTO DE PROJETIL DE ARMA DE FOGO QUE ESTAVA AO LADO DO CORPO.

POR FIM, O CORPO FOI ENCAMINHADO AO IML DE TEÓFILO OTONI.

Fonte: Grupo Cabo Nathan Rodrigues

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale conosco?