AtléticoEsporteUltimas horas

Hulk perde pênalti no fim e Atlético empata com o Emelec, no Equador, pela Libertadores

Galo bobeou no segundo tempo e desperdiçou chance de pular na frente no duelo das oitavas de final

O Atlético desperdiçou uma ótima oportunidade de sair na frente do Emelec no duelo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. O Galo estava vencendo, mas bobeou no segundo tempo e sofreu o empate. Mas o time alvinegro teve a chance de vencer no fim do jogo em cobrança de pênalti. Porém, Hulk desperdiçou, e o Galo empatou por 1 a 1, nesta terça-feira, no estádio George Capwell, em Guayaquil.

Ademir abriu o placar para o Atlético aos 15 minutos do primeiro tempo. O Galo vencia a partida de forma tranquila, mas se complicou no segundo tempo em dois lances bobos que foram flagrados pelo VAR. Primeiro, Nathan Silva acertou uma cotovelada no atacante Cabeza dentro da área em disputa de bola pelo alto e cometeu pênalti que gerou o gol de empate do Emelec anotado por Sebastián Rodríguez.

Depois, Allan discutiu com Jackson Rodríguez no meio-campo e acertou uma cotovelada no rosto do adversário. O VAR chamou o árbitro, que foi ao monitor novamente e expulsou o jogador atleticano aos 21 minutos da etapa final.

Mesmo com um a menos, o Atlético ainda teve a chance de vencer, quando Hulk foi puxado na área e o árbitro argentino marcou pênalti, aos 40 minutos. Mas o goleiro Ortiz defendeu a cobrança do camisa 7 e evitou a primeira vitória do Galo na história no Equador.

Com o resultado, o Atlético precisará vencer por qualquer placar no jogo da volta, na próxima terça-feira (5), às 19h15, no Mineirão, para avançar às quartas de final. Novo empate leva a decisão para os pênaltis. Triunfo do Emelec dá a vaga aos equatorianos.

Quem passar ainda receberá 1,5 milhão de dólares (aproximadamente R$ 7,9 milhões) de premiação.

Antes do duelo decisivo contra os equatorianos, o Galo enfrenta o Juventude no sábado (2), às 16h30, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

EMELEC 1 x 1 ATLÉTICO

Emelec: Pedro Ortiz; Carabalí, Mejía (Garcés), Guevara e Pittón; Arroyo, Sebastián Rodríguez, Zapata, Ceballos (Romario Caicedo) e Jackson Rodríguez (Vera); Cabeza (Quiroga). Técnico: Ismael Rescalvo

Atlético: Everson; Guga, Nathan Silva, Alonso e Arana; Allan, Otávio, Nacho Fernández (Calebe) e Rubens (Réver); Ademir (Vargas) e Hulk. Técnico: Antonio Mohamed

Motivo: ida das oitavas de final da Copa Libertadores

Data: Terça-feira, 28 de junho de 2022

Horário: 19h15

Local: George Capwell

Gols: Ademir (15’/1º), Sebastián Rodriguez (pênalti – 12’/2º)

Cartão Amarelo: Pittón, Jackson Rodríguez, Mejía, Guevara (Emelec); Nathan Silva (Atlético)

Cartão Vermelho: Allan (Atlético)

Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)

Assistentes: Juan P. Belatti (ARG) e Diego Bonfá (ARG)

VAR: Victor Carillo (PER), Johny Bossio (PER) e Sabrina Lóis (PER)

Por Fábio Rocha

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
× Fale conosco?