EleiçõesTeófilo OtoniUltimas horas

31% dos candidatos a prefeito não receberam verba pública para a campanha

São 5.800 candidatos a prefeito sem financiamento público. Dentre eles, 1.300 se elegeram.

O financiamento das eleições 2020 foi diferente de todas as outras disputas municipais. Pela primeira vez, a principal fonte de receitas dos candidatos a prefeito foi o próprio governo, e não doadores privados. Mas o dinheiro público não chegou para todos. Dentre os candidatos a prefeito, 31% não receberam verba pública na campanha, segundo a prestação de contas divulgada até o domingo de eleições. São 5.800 candidatos a prefeito sem financiamento público. Dentre eles, 1.300 se elegeram. Em cerca de 200 cidades brasileiras, a disputa aconteceu sem verba pública em nenhuma das campanhas. Já em São Paulo, as candidaturas de prefeito custaram R$ 33,7 milhões aos cofres públicos.  

Em alguns casos, os candidatos a prefeito que não receberam recurso público para campanha ficaram de fora do rateio feito por seus partidos. Em outros, partidos ou candidatos abriram mão de usar o dinheiro, por serem contra o financiamento público

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
× Fale conosco?